23/05/2017

#CostureiraIniciante | Materiais básicos para costurar

Desde que começamos nossa série de costura no Youtube recebemos várias dúvidas sobre os materiais que usamos em vídeo. Quais são essenciais, e o que dá pra viver sem? Eis que resolvemos gravar um vídeo com o básico do básico. E em breve vamos dar algumas dicas sobre maquinário para iniciantes.

Mas vamos lá ;)




Alguns dos materiais que citamos no vídeo:

Alfinetes

Materiais de costura

Nós sempre usamos esses com cabeça de vidro da marca Coats. Eles são super fininhos e dificilmente puxam fio do tecido. Só um ou outro que vem com defeito, mas é mínimo, sério. Eles são um pouco mais caros que os comuns mas vale muito a pena.

Fita métrica


Materiais de costura

A fita que usamos também é da marca Coats, e ela tem um truque super legal: na lateral já tem as divisões de cada número. Isso facilita demais o trabalho na hora de dividir as medidas para fazer a modelagem, e deixa tudo mais preciso.

Carretilha e tesouras

Materiais de costura

O próximo item é a carretilha, que parece um mini cortador de pizza. Usamos ela pra marcar com o carbono onde será a costura no tecido. Então depois de cortar a peça, com o molde ainda preso ao tecido, encaixamos o carbono por baixo do molde para delimitar o fim do molde.

Sobre as tesouras é importantíssimo separar uma para papel e outra para tecido. Se as suas forem iguais, deixe um fita de cetim amarrada em uma delas pra que você não confunda. Usar a mesma tesoura pra tudo faz com ela perca o fio muito mais rápido.

Carbono e giz (ou lápis de alfaiate)

Materiais de costura

Aqui está o companheiro da carretilha. Usamos sempre carbono branco, mesmo em tecidos que são claros. Ele não mancha a roupa e cumpre o objetivo de marcar as costuras. Nas lojas é só procurar por carbono para costura branco. O lápis usamos para marcar as margens de costura na hora do corte. Ele pode ser substituído por giz de alfaiate, ou até mesmo lascas de sabonete.

Réguas


Materiais de costura

A régua da esquerda é a que usamos pra modelar. Existem algumas similares, de madeira ou de acrílico. E a da direita também usamos para modelagem, mas só para as "retas". Como ela é menor é mais fácil de manejar, então deixamos a outra só pros detalhes mesmo.

Papéis de molde

Materiais de costura

Aqui usamos dois tipos: o manilha (que é o rosinha), e o kraft. O manilha tem um valor bem mais acessível, e é ótimo se você está aprendendo ou pra fazer moldes que não vai guardar (como de encomendas). O kraft tem um valor mais alto mas é mais resistente, então se você acertou na modelagem de uma peça e quer guardar por muito tempo esse é o papel certo.

Lápis e borracha


Materiais de costura

Básico mesmo né?

Tesoura de arremate e abridor de casa


Materiais de costura

Essa tesoura é ótima pra quando você está na máquina. Como ela é pequena, facilita na hora de cortar pequenas linhas que vão sobrando. E com ela corremos menos risco de cortar o tecido para cortar essas pequenas linhas (acredite, isso acontece as vezes com a tesoura maior).
O abridor de casas tem sua função bem clara no nome, mas além disso ele também é ótimo pra desmanchar costuras (o que vai acontecer muito no começo). Nunca tente ficar desmanchando com a tesoura, a ferramenta certa pra isso é extremamente necessária.

É isso gente. Espero que tenham gostado do post!
Beijo!

14/05/2017

Conhecendo a peça | Vestido Dia de Sol

Uma semana se passou e hoje é dia de conhecer mais uma peça da nossa coleção! O elegido pra hoje é o Vestido Dia de Sol.


Se você como nós, gosta de musicais e assistiu La La Land com certeza entendeu a referência.


La La Land é apenas incrível. Ficamos encantadas no cinema, confesso que derrubei algumas lágrimas. Ainda estávamos terminando alguns modelos da coleção quando assistimos, mas todos os tecidos que fariam parte dela já estavam decididos e comprados, e a maioria dos modelos já estava ligada ao seu tecido, o que incluía um lindo floral amarelo e verde. Estávamos em dúvida entre uma saia ou um vestido, mas quando vimos o vestidinho que a Mia usa na sua primeira dança com o Sebastian tínhamos certeza de que seria um vestido. 


O vestido da Mia é bem lindo, com tecido fluido e alças larguinhas que caem no ombro. A estampa bem espaçada...bem gracioso e delicado.


Como o nosso tecido era de algodão, que é mais firme, não ficaria nada a ver com o dela. Mas inspiração é isso né? Não é cópia! :D
Decidimos fazer um decote canoa, já que o quadrado não favorece tanto alguns tipos de corpo, e queríamos algo que ficasse lindo em todas <3

Colocamos uma manga bem curtinha, pra dar essa sensação de "alça". Essa manga é falsa, então o braço fica livre, o que é ótimo pro calor. Pra deixar a peça mais delicada, colocamos um acabamento em ponto curva, tanto na manga, como no decote (que tem uma preguinha).


A saia tem 4 preguinhas na frente e 4 atrás. Mas nesse caso, fizemos as preguinhas bem rasinhas, já que era um pedido que recebíamos muito: ter peças rodadas, mas que não armassem tanto. 



A inspiração pro nome veio da música inicial do filme. Tem tudo a ver com a cor do vestido, é uma música alegre, te coloca pra cima... e esse é o efeito do amarelo, mesmo que delicadinho e pastel como esse. Já ouviu a música? Clique aqui pra ouvir.

Sou suspeita mas fiquei apaixonada pelo vestido, ficou do jeitinho que imaginávamos.




Espero que tenham gostado de conhecer alguns detalhes do Vestido Dia de Sol

Beijo!

12/05/2017

#CostureiraIniciante | Forrando uma saia lápis ou reta

Olá pessoas!

O vídeo de hoje foi pedido por algumas pessoas, então finalmente viemos mostrar como forrar uma saia reta ou lápis (pra saias evasé ou godê o princípio é o mesmo, só o corte que é diferente).

Abaixo está o passo a passo escrito, mas recomendo que assistam o vídeo primeiro, porque é mais fácil de visualizar todo o processo.

Nesse vídeo citamos alguns vídeos que seria interessante assistir antes do vídeo de hoje. São eles:

Como tirar medidas? clique aqui para assistir
Molde de saia reta sob medida: clique aqui para assistir
Confecção saia reta: clique aqui para assistir
Como colocar zíper invisível: clique aqui para assistir

Vamos lá?


Corte

É importante notar que no caso dessa saia reta o corte é um pouco diferente. Cortamos a parte das costas também na dobra do tecido, onde ficará nossa prega. Para a prega deixamos uma margem de 8cm, e ela terá 20cm contando a partir da barra. É muito importante passar a carretilha para marcar o tecido. Assim você sabe direitinho onde vai ser cada costura, e o acabamento fica melhor.

Fizemos um cós anatômico cortando duas faixas e retirando um 1cm de onde ficará a lateral. Como mostramos no vídeo, pra fazer isso de forma bem fácil, é só dobrar o cós ao meio, medir 1 cm na dobra, e "ir morrendo" no sentido da parte aberta. O resultado é uma entrada suave que vai encaixar certinho na sua cintura.

Montando a peça

Como sempre, pra começar nossa peça vamos fechar as pences, tanto da saia quanto do forro. Aproveitamos a máquina ligada pra fechar também o cós. Primeiro unindo as laterais, e depois passando a ferro o cós dobrado, como na foto abaixo.


O próximo passo é fechar as laterais da saia e do forro. Nesse ponto vai parecer que a saia está errada, já que não tem abertura para o zíper. Calma, respira que tá tudo certo. Vamos fazer alfinetar as costas da nossa saia, vai ser bem fácil já que passamos a carretilha no nosso molde, e a margem que deixamos está marcadinha. Agora vamos fazer uma abertura nas costas da nossa saia, do tamanho do nosso zíper, no caso 20cm.


Fez a abertura? Agora vamos encaixar o nosso cós. Direito com direito do tecido, vamos fazer a primeira costura, colocando nosso cós como se fosse um viés. Nesse caso nossa saia não tem botões por isso nosso zíper vai até em cima. Como nosso cós é anatômico encaixe ele pelas laterais, assim as costuras vão bater certinho e sua peça vai ficar lindona.

Com a primeira parte do zíper costurada, vamos colocar nosso zíper. O acabamento do cós e forro fica pra depois, agora vamos cuidar da nossa prega.

Lembra que a parte das costas abaixo do zíper está alfinetada? É pra lá que vamos! Deixamos marcado o tamanho da nossa prega (no caso 20cm). Então partindo dessa marcação vamos fazer uma costura no sentido do zíper, pra fechar as costas da nossa saia. Feito isso vamos fazer uma abertura com a tesoura alguns centímetros acima da marcação da prega.


Fazendo essa abertura no tecido é possível abrir a prega e passar a ferro. Pra ela ficar abertinha no lugar dela, é só passar uma costura na prega, com a distância de um calcador abaixo dessa abertura que fizemos.


Agora vamos prender o forro no zíper. Como mostramos no vídeo é bem simples, É só prender cada lateral do forro à sua lateral correspondente do zíper. E depois,pra deixar o acabamento bem bonito, vamos dobrar o cós por cima do zíper e passar uma costura no zíper, pra deixar o cós preso nele. Vamos virar o cós, e virar a peça do avesso. Assim vai ser bem fácil de encaixar o forro no cós aos poucos e ir prendendo o cós com um alfinete (sempre pelo lado direito, que é onde vamos passar a costura pra prender o cós). Tenha calma nessa hora, pra não deixar nada repuxado. É bem fácil mesmo. Quando todo o forro estiver encaixado na saia é hora de passar a costura que vai prender o cós.


Agora é só unir as costas do forro, que ficou sobrando abaixo do zíper. Deixei uma abertura de 20 cm na barra dele, pra que fique confortável. A barra do forro faço só no overloque e corto ela um pouco menor que a minha saia pra que não fique aparecendo.



Agora é só fazer a barra da saia e está pronta!

Nesse caso usamos 0,80cm de tafetá e 0,60cm de forro.É uma saia que pode ser feita em vários tecidos. Como no canal ensinamos a fazer as peças sob medida, estamos preparando um vídeo especial pra ensinar como calcular o tecido pra cada peça :)



Espero que tenham gostado! Qualquer dúvida é só deixar nos comentários!


Beijo!