23/04/2017

Conhecendo a peça | Vestido Petit Village


Segundo post da série 'Conhecendo a peça' e hoje vou falar do vestido Petit Village.

Queríamos criar um modelo com botões na frente, é um pedido que recebemos de muitas mães. Tínhamos em mente que o modelo, em sua versão original, seria feito em uma das nossas estampas favoritas: vichy. Mas claro, que como os outros, ele também pode ser personalizado e confeccionado em outras estampas.

Vamos aos detalhes dele?
 

A estampa é a versão menor do vichy, clássica e atemporal. Tem recortes pra se ajustar bem ao corpo, e botões forrados. A manguinha é dupla, o que fica super legal na questão do acabamento, porque é como se "não tivesse" barra.


A saia é franzida, usando duas alturas de tecido. Isso significa que a circunferência da barra é de quase 3 metros. Fica legal usar assim, e também com saia de armação por baixo (pra mim, quanto mais volume melhor!). Na parte das costas tem uma pala, como de camisa, com a estampa cortada em diagonal. É um detalhe sutil, mas que dá um efeito bem legal.


Pesquisando sobre a estampa descobrimos uma cidade francesa, relativamente pequena, que leva o nome Vichy. Ela é famosa por suas águas termais, que estão presentes em doces, cosméticos e tratamentos medicinais. Também é conhecido pela fabricação de aventais e camisetas na padronagem vichy. Achei um post bem legal falando sobre pontos turísticos e passeios nesse blog, dá uma olhadinha depois, é bem legal!

Agora que já entendemos um pouco da inspiração por trás do nome, vamos a algumas curiosidades sobre a estampa:

  • O xadrez vichy é tecido com fios tintos, em xadrezes de tamanhos diferentes, tendo sempre como base o branco.
  • Apesar de ser popular desde o século XIX, ele ficou muito famoso após ser usado por Brigitte Bardot no filme 'E Deus criou a mulher' de 1956. Ela também se casou usando um modelo feito em vichy.

  • O xadrez Buffalo Check é uma variação em vermelho e preto com quadrados maiores. Muito usado em camisas de flanela, mantas e cobertores. 
 Hoje em dia, graças à releituras de grandes estilistas, essa estampa é mais usável em várias peças e cores, e já não é mais tão associada à toalhas de picnic. E vocês, gostam dessa estampa? Espero que tenham gostado do post!

21/04/2017

Look: Vestido Roseiral e botinhas ❤

 
Fazia meses que eu não postava nessa categoria do blog! A verdade é que o Instagram deixa tudo mais fácil quando envolve postar uma foto de look, né? E antes do lançamento eu tava trabalhando tanto que por muita vezes meu uniforme era pijama, só pra ficar mais fácil trabalhar por muitas horas seguidas. Agora que as coisas estão um pouco mais tranquilas e eu posso sair decentemente na rua, resolvi voltar a fotografar meus looks :)


Nesse dia visitei o Parque da Cidade, aqui em Pinda mesmo. É um lugar bem gostoso pra visitar em família. Tem casarões antigos que estão em reforma, então infelizmente não dá pra visitar, trilhas no meio das árvores, pista pra andar de bicicleta ou caminhar, e bastante área verde pra relaxar, e quem sabe até montar um picnic... bem gostoso mesmo.


Já que iríamos andar bastante usei botinhas confortáveis. Comprei essa em um outlet e não quero mais tirar do pé, combina com tudo que eu tenho e é tão linda *-*


As cores do vestido também combinam com a estação, já que apesar de ser floral tem fundo escuro. Mas sinceramente eu não ligo pra esse negócio de "estampas e cores de primavera/verão ou outono/inverno", eu uso o que tenho vontade. A vida é muito curta pra limitarmos os usos das nossas peças, concorda?


Eu usei:
Vestido Roseiral: Andreia Brondi Store
 Mochila: Miroa
Botas: Mariotta 

O que acharam do look?
Beijo!

20/04/2017

#CostureiraIniciante | Dicas rápidas de costura

Sabe aquelas dicas que vão passando de boca em boca? Que parecem simples mas que dão uma grande diferença na hora de realizar um trabalho? Ao longo do tempo fomos colecionando algumas dessas dicas, e resolvemos gravar um vídeo sobre o assunto.

Você pode assistir o vídeo no player abaixo. Ou se prefere ler, é só rolar um pouquinho a página que as dicas estão escritas também. Bora lá?


1 - Molhar tecidos

Sabe quando você faz uma roupa que fica maravilhosa? Você usa toda feliz por estar vestindo algo que você mesma fez! Aí depois de lavar o que acontece? Encolhe. Pra evitar que isso aconteça molhe os tecidos que tenham algodão na composição antes de cortar a peça. Deixe de molho mesmo, de um dia pro outro. Assim quando chegar a hora de cortar a peça, ela já vai ter encolhido (o que é normal), e você não vai ter problemas com a roupa pronta :)

Pra que o tecido não amasse demais na hora de lavar, dobre e coloque no recipiente.


No caso de tecidos que tenham muito elastano (como malhas), você pode deixar o corte descansar em cima da mesa. Quando a peça está na loja ela fica enrolada no rolo, o que tenciona o tecido, e deixa ele "maior do que é" por pouco tempo. Deixando o corte descansar de um dia pro outro, ele vai voltar ao original e você terá uma peça perfeita.

2 - Para marcar... lascas de sabonete


Essa dica realmente foi uma grande surpresa pra nós. Costumamos usar um lápis como esse pra marcar os cm de costura antes de cortar a peça. Caso você não encontre na sua localidade, pode usar lascas de sabonete usado (quando fica bem no finzinho sabe?). É ótimo pra marcar em qualquer cor de peça (principalmente as brancas, porque alguns lápis como esse mancham tecidos claros), e se usado pra marcar tecidos escuros sai super fácil, é só molhar um pouquinho.

3 - Tenha calma

Eu sei que essa parece ser uma dica muito, muito boa. Nessa série de costura estamos ensinando modelagem sob medida, e dando várias dicas sobre isso. Na hora de fazer o molde, se você estiver conversando, prestando atenção em duas coisas ao mesmo tempo... não vai dar certo. Por experiência própria, mesmo fazendo moldes semanalmente, se perdemos atenção por um momento também cometemos erros. Então na hora da modelagem, deixe qualquer assunto secundário pra depois.

4 - As vezes é preciso passar antes de cortar

Alguns tecidos amassam demais. Viscose, tricoline... principalmente depois de lavar. Se esse é o seu caso, e seu tecido parece ter saído de uma garrafa, passe antes de cortar. É mais uma coisa que pode parecer óbvia, mas se desconsiderar terá uma peça com defeitos no final.

5 - Se atente às margens

 Nos vídeos sempre mostramos qual margem usamos em todas as partes do molde, e é importante que você meça essas margens. Nas laterais, deixe a margem necessária pra costura e uma folguinha (nas laterais geralmente marcamos 2cm). Não tem nada mais chato que fazer a peça e ela ficar apertada demais em você né?


É isso gente, aos poucos vou trazendo mais dicas pra vocês ;)

Beijo!